CLAM - Principal  
EM DESTAQUE | artigos e resenhas | direitos reprodutivos e planejamento familiar
 
Publicada em: 25/10/2012

Urbanização e fecundidade


Em artigo, os demógrafos George Martine (Universidade de Brown), José Eustáquio Diniz Alves (ENCE/IBGE) e Suzana Cavenaghi (ENCE/IBGE) discutem o impacto do fenômeno da urbanização nas taxas de natalidade.
   
 
Publicada em: 25/10/2012

Fecundidade em baixa; educação em alta


Em artigo, o demógrafo Eduardo L. G. Rios-Neto (UFMG) afirma que a diminuição na taxa de fecundidade brasileira, atualmente em 1,9, fará com que a população, em algum momento a partir de 1930, deixe de crescer.
   
 
Publicada em: 01/04/2008

Direitos ainda não reconhecidos


Direitos sexuais são menos reconhecidos juridicamente do que os direitos reprodutivos. O artigo Desafios e Importância do Reconhecimento Jurídico dos Direitos Sexuais frente aos Direitos Reprodutivos, da advogada Laura Davis Mattar discute tal descompasso.
   
HEILBORN, Maria Luiza  
Publicada em: 31/03/2008

O ultra-som de uma 'tragédia nacional'. Resultado: a gravidez precoce não é o drama que se noticia


Por Maria Luiza Heilborn. Existe um consenso entre profissionais de diversas formações - médicos, psicólogos, jornalistas, líderes religiosos e políticos - de que a gravidez na adolescência é um mal de grandes proporções. Segundo esse pensamento, seria irresponsabilidade “permitir” que adolescentes se envolvam com a maternidade tão cedo. No entanto, ao contrário do que prega a opinião pública, nem há um quadro de caos e desordem nem tampouco a gravidez na adolescência é uma grande tragédia nacional. A pesquisa Gravidez na adolescência: estudo multicêntrico sobre jovens, sexualidade e reprodução no Brasil (Gravad), realizada pelas universidades do Estado do Rio de Janeiro, Federal do Rio Grande do Sul e Federal da Bahia entrevistou 4.634 jovens de ambos os sexos, entre 18 e 24 anos, numa pesquisa domiciliar realizada nas três capitais destes Estados.
   
CITELI, Maria Teresa  
Publicada em: 31/03/2008

As feministas e o plebiscito


O CLAM publica o terceiro artigo da série Ciência e Religião na Mídia. O texto traz uma reflexão sobre os argumentos que estão em jogo no debate sobre a proposta de plebiscito levantada recentemente no Brasil pelo ministro da Saúde, José Gomes Temporão.
   
Roxana Vásquez Sotelo  
Publicada em: 31/03/2008

No hay duda que uno de los temas que más controversia genera en la región de América Latina es el de la libertad o autonomía de las mujeres para decidir sobre gestaciones no deseadas.


No hay duda que uno de los temas que más controversia genera en la región de América Latina es el de la libertad o autonomía de las mujeres para decidir sobre gestaciones no deseadas.
   
TORRES, José Henrique Rodrigues  
Publicada em: 31/03/2008

Descriminalização do aborto a pedido da gestante: Portugal respondeu SIM


No artigo “Descriminalização do aborto a pedido da gestante: Portugal respondeu SIM”, o juiz de direito José Henrique Rodrigues Torres afirma ser necessário que o Brasil acompanhe o exemplo de Portugal. Para ele, a questão deve ser enfrentada fora do âmbito das políticas repressivas.
   
LOREA, Roberto Arriada  
Publicada em: 31/03/2008

Violação de direitos


Roberto Arriada Lorea. Ao anunciar a edição de norma administrativa que dispensa a mulher, cuja gravidez resultou de estupro, de procedimento burocrático junto à delegacia de polícia, para que possa a mesma se submeter a um aborto seguro, o Ministério da Saúde estará apenas revogando uma exigência, igualmente administrativa, imposta desde 1998 às vítimas de estupro, sem que para esse procedimento burocrático houvesse previsão legal ou decisão judicial autorizadora.
   
ALVES, José Eustáquio Diniz  
Publicada em: 31/03/2008

Ausência de direitos reprodutivos agrava a pobreza


Por José Eustáquio Diniz Alves. O escritor americano F. Scott Fitzgerald escreveu, certa vez, que "os ricos são diferentes de mim e de você". O seu colega Ernest Hemingway concordou dizendo: "São mesmo, eles têm mais dinheiro". Ironia à parte, os ricos, exatamente, por terem mais dinheiro, têm acesso - comprando no mercado de bens e serviços – a diversos direitos de cidadania que não estão disponíveis aos pobres.
   
Gomes, Edlaine  
Publicada em: 31/03/2008

Dadas as condições que prevalecem no mundo no início do século XXI, presenciamos a mudança do marco de referência do debate histórico sobre ética e demografia, tanto em termos de uma maior ênfase nos direitos individuais, em oposição à ênfase anterio


Artigo da antropóloga Edlaine Gomes, do Centro de Estudos da Metrópole, analisa o impacto de discursos e ações de parlamentares religiosos brasileiros na tramitação de propostas concernentes ao aborto no Brasil.
   
Página 1 de 2

voltar




IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Tel.: (21) 2568-0599