tamanho de fonte:
Pesquisa básica



Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM/PR)

 

Declaração dos Direitos da Mulher e da Cidadã - 1791

 

Este documento foi proposto à Assembléia Nacional da França, durante a Revolução Francesa(1789-1799). Marie Gouze (1748-1793), a autora, era filha de um açougueiro do Sul da França, e adotou o nome de Olympe de Gouges para assinar seus planfletos e petições em uma grande variedade de frentes de luta, incluindo a escravidão, em que lutou para sua extirpação. Batalhadora, em 1791 ela propõe uma Declaração de Direitos da Mulher e da Cidadã para igualar-se à outra do homem, aprovada pela Assembléia Nacional. Girondina, ela se opõe abertamente a Robespierre e acaba por ser guilhotinada em 1793, condenada como contrarevoluionária e denunciada como uma mulher "desnaturada".

Informações de Categorização

Assunto(s): Cidadania; Direitos da mulher; França; História;
Autor(es):

  • Gouges, Olympe de()
Tipo de Publicação: Artigos eletrônicos;

Informações da Publicação

Link/URL: http://leaozinho.receita.fazenda.gov.br/biblioteca/estudantes/Textos/DireitosMulherCidada.htm
Ano da Publicação: 1791
Notas:

Disponível no site da Leaozinho, da Receita Federal - http://leaozinho.receita.fazenda.gov.br
Acesso em: 14 dez. 2011


Informações Adicionais

IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Tel.: (21) 2568-0599