tamanho de fonte:
Pesquisa básica



Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM/PR)

 

Há tantas maneiras de não ser:

direitos lésbico-gays e reconhecimento dos contextos familiares

Neste artigo interpretam-se e descrevem-se crenças e opiniões de homens gays e mulheres lésbicas com filhos/as ou com desejo de tê-los/las, em torno dos direitos de lésbicas e gays (LG) ao matrimônio e à adoção, e em relação às demandas impulsionadas por diversos setores do ativismo da diversidade sexual. O presente texto se apoia em uma investigação qualitativa realizada de setembro de 2008 a janeiro de 2009, em que se entrevistaram homens gays e mulheres lésbicas com filhos/as ou desejo de tê-los/las, residentes na cidade de Buenos Aires e na província argentina homônima. (AU)

Informações de Categorização

Assunto(s): Argentina; Direitos Humanos; Diversidade sexual; Família;
Autor(es):

  • Libson, Micaela()
Editora: CLAM;
Local: Rio de Janeiro (RJ)
Tipo de Publicação: Artigos eletrônicos;

Informações da Publicação

Link/URL: http://www.scielo.br/pdf/sess/n6/a06n6.pdf
Código/ISBN/ISSN: 1984-6487
Ano da Publicação: 2010
Nome do Periódico: Sexualidad, Salud y Sociedad (Rio de Janeiro)
Número do Periódico: 6
Colação: p.105-126
Notas:

Disponível em espanhol  no site do SCIELO - http://www.scielo.br e no CLAM - http://www.clam.org.br
Acesso em: 15 mar. 2012


Informações Adicionais

IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Tel.: (21) 2568-0599