tamanho de fonte:
Pesquisa básica



Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM/PR)

 

Crenças sobre sexualidade entre estudantes de Medicina: uma comparação entre gêneros

OBJETIVO: Identificar informações sobre sexualidade entre estudantes de Medicina e analisar as diferenças quanto a gênero e ano do curso. MÉTODO: Foi aplicado um questionário estruturado a estudantes da Faculdade de Medicina de Botucatu, com questões sobre sexualidade e vida sexual dos sujeitos. A aplicação ocorreu em sala de aula, sendo que 455 estudantes (82,6%) aceitaram participar do estudo. A análise foi estratificada para gênero e ano do curso, sendo utilizado o teste do qui-quadrado. RESULTADOS: Comparando-se primeiros e últimos anos, observou-se aumento da freqüência de vida sexual ativa, mas não de satisfação. Crenças predominaram sobre crendices, tendo sido observadas diferenças entre os gêneros. Aspectos da sexualidade feminina e da homossexualidade apresentaram um significativo percentual de respostas equivocadas. CONCLUSÕES: Entre estudantes de Medicina ainda persiste desinformação sobre aspectos específicos da sexualidade humana. A formação médica precisa abarcar a sexualidade em seus múltiplos aspectos, capacitando os profissionais a lidarem com a sexualidade de seus pacientes.(AU)

Informações de Categorização

Assunto(s): Crenças; Educação Médica; Estudantes; Medicina; Sexualidade;
Autor(es):

  • Cerqueira, Ana Teresa de Abreu Ramos()
  • Lima, Maria Cristina Pereira()
Editora: ABEM ;
Local: Rio de Janeiro (RJ)
Tipo de Publicação: Artigo de periódico;

Informações da Publicação

Link/URL: http://www.scielo.br/pdf/rbem/v32n1/07.pdf
Código/ISBN/ISSN: 0100-5502
Ano da Publicação: 2008
Nome do Periódico: Revista Brasileira de Educação Médica
Número do Periódico: 1
Volume: 32
Colação: p.49-55
Notas:

Disponível no site do SCIELO - http://www.scielo.br
Acesso em: 02 dez. 2012


Informações Adicionais

IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Tel.: (21) 2568-0599