tamanho de fonte:
Pesquisa básica



Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM/PR)

 

Tráfico de pessoas: uma história do conceito

A categoria tráfico de pessoas é uma proposição jurídica e não uma elaboração sociológica. Inventada no século XIX e retomada no final do século XX, tal categoria ganhou discursividade em jogo com saberes que constituíram a prostituição como um problema. A definição de tráfico disposta no atual Código Penal brasileiro se manifesta em relação necessária com a prostituição. O artigo analisa os modos como a discussão sobre o tráfico encontra lugar e efeito em jogo com a noção de que a prostituição deve ser combatida. A batalha discursiva para dizer o tráfico de pessoas e constituí-lo como um problema funciona como um reforço ao rechaço à prostituição, não protege as pessoas que se inserem voluntariamente no mercado do sexo e acaba, por vezes, sendo cúmplice de exigências internacionais de contenção migratória (AU)

Informações de Categorização

Assunto(s): Conceito; História; Prostituição; Trafico de seres humanos;
Autor(es):

  • Pedro, Joana Maria(Autor)
  • Venson, Anamaria Marcon(Autor)
Editora: USP;
Local: São Paulo (SP)
Tipo de Publicação: Artigo de periódico;

Informações da Publicação

Link/URL: http://www.scielo.br/pdf/rbh/v33n65/03.pdf
Código/ISBN/ISSN: 1806-9347
Ano da Publicação: 2013
Nome do Periódico: Revista Brasileira de História
Número do Periódico: 65
Volume: 33
Colação: p.61-83
Notas:

Disponível no site do SCIELO - http://www.scielo.br
Acesso em: 21 nov. 2013


Informações Adicionais

IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Tel.: (21) 2568-0599