tamanho de fonte:
Pesquisa básica



Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM/PR)

 

Violência é coisa de homem? A - naturalização - da violência nas falas de homens jovens

O estudo tem por objetivo analisar os sentidos atribuídos por homens jovens à relação masculinidade-violência. A metodologia pautou-se numa abordagem qualitativa, em que se procurou compreender e contextualizar os sentidos subjacentes às falas dos sujeitos investigados, envolvendo 19 homens jovens de segmentos populares da cidade do Rio de Janeiro (RJ). Os resultados apontam que, em geral, a relação masculinidade-violência-juventude pode ser um fator de vulnerabilidade. Conclui-se que, para que se tenha um outro olhar sobre esse modelo, faz-se necessária a adoção de estratégias que possibilitem outras formas de experienciar o ser homem, que invistam numa perspectiva do cuidar de si e dos outros, tornando as relações mais saudáveis e com menor risco.

Informações de Categorização

Assunto(s): Jovens; Masculinidade; Violência;
Autor(es):

  • Gomes, Romeu()
  • Nascimento, Elaine Ferreira do()
  • Rebello, Lúcia Emília Figueiredo de Souza()
Editora: ANPOCS;
Local: Rio de Janeiro (RJ)
Tipo de Publicação: Periódico;

Informações da Publicação

Link/URL: http://www.scielo.br/pdf/csc/v14n4/a16v14n4.pdf
Código/ISBN/ISSN: 1413-8123
Ano da Publicação: 2009
Nome do Periódico: Ciência & Saúde Coletiva
Número do Periódico: 4
Volume: 14
Colação: p.1151-1157
Notas:

Disponível no site SCIELO - http://www.scielo.br.
Acesso em: 07 Out. 2009.


Informações Adicionais

IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Tel.: (21) 2568-0599