CLAM - Principal  

TAGs

Traduzir

EM DESTAQUE | na mídia
 
Brasil

Juiz decide se mulher será julgada por prática de aborto

Por Alyne Queiroz

A defesa de uma funcionária pública, que foi atendida na clínica da médica Neide Mota Machado, tenta provar que a mulher não praticou aborto. Cabe ao juiz Carlos Alberto Garcete decidir se ela será julgada pelo crime ou não.

A audiência estava marcada para ontem. No entanto, o advogado dela, Honório Suguita, conseguiu um recurso para que o magistrado analise novamente o caso.

“O fato em si não constitui crime”, diz o advogado. Ele ressalta que se trata de uma acusação de aborto e a cliente dele fez uma curetagem na clínica, que funcionou durante 20 anos na região Central de Campo Grande.

Texto completo

Publicada em: 07/10/2009

voltar




IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil