CLAM - Principal  

TAGs

Traduzir

EM DESTAQUE | notícias CLAM
 
Brasil

Na Nigéria, a homossexualidade é crime

Entre os 53 países africanos, praticamente todos têm uma lei contra o aborto. Na África do Sul, a prática é legal. “Embora seja ilegal na maioria, a incidência do aborto em praticamente todos os países da África é muito alta, principalmente entre as mulheres mais pobres do continente”, afirmou o demógrafo estatístico Richmond Tiemoko, diretor do Centro em Sexualidade Regional da África, localizado em Lagos, Nigéria. Alguns países, ele contou, reconhecem o aborto do ponto de vista ético. É o caso de Gana e Costa do Marfim.

“Há uma tendência atual de violência contra gays e lésbicas na África do Sul, país que, no contexto africano parece ser dos mais progressistas”, alertou Richmond. Na Nigéria, um dos países mais populosos da África, a homossexualidade é criminalizada.

Para combater essa situação, a comunidade GLBT em alguns países usa certas estratégias. No Senegal, por exemplo, onde 95% da população é muçulmana, gays e lésbicas usaram o HIV-Aids como um pretexto para que o uso de preservativos fosse permitido.

A sexualidade no mundo

Publicada em: 02/05/2005

voltar




IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Tel.: (21) 2568-0599