CLAM - Principal  
EM DESTAQUE | notícias CLAM
Brasil  
Publicada em: 02/10/2013

Por que legalizar o aborto?


O dia 28 de setembro é marcado pelos movimentos sociais latino-americanos como data de luta pela descriminalização do aborto. Mas por que legalizar o aborto? Para consolidar o Estado laico, aperfeiçoar a democracia e promover os direitos sexuais e reprodutivos e a saúde das mulheres. Leia texto da médica Ana Maria Costa.
   
Pelo mundo  
Publicada em: 02/10/2013

Sexualidade e turismo


Foi lançado o número 10 de Sexualidades, série monográfica eletrônica no campo dos estudos sobre sexualidades nas Américas, publicada simultaneamente em português, espanhol e inglês, com o trabalho de Mauricio List reyes e Alberto Teutle López (in memoriam): Sexo entre homens nas saunas de Puebla: Uma forma de turismo sexual.
   
Brasil  
Publicada em: 25/09/2013

Cidadania trans


O Seminário Internacional Desfazendo Gênero divulgou notas públicas exortando o Governo Federal e o Parlamento a promoverem medidas em prol da cidadania e da dignidade no campo da saúde, da educação e da identificação civil.
   
América Latina  
Publicada em: 19/09/2013

O custo da sexualidade


Plenária ocorrida na IX Conferência IASSCS (Buenos Aires) discutiu o lugar do sexo no contexto contemporâneo e sua lógica mercadológica. Participantes também refletiram sobre os limites e os desafios que a produção de conhecimento no campo da sexualidade projeta.
   
América Latina  
Publicada em: 19/09/2013

Raça, sexualidade e mercado


A mestiçagem e a persistência da raça são também assuntos sexuais. Na conferência de encerramento do IX Congresso da IASSCS, Mara Viveros provocou a repensar as relações raciais nas trocas eróticas e amorosas sem reduzir sua complexidade a uma soma de influências e fatores ou a um menu de opções.(Texto em espanhol)
   
América Latina  
Publicada em: 19/09/2013

Reconhecimento, Justiça e Igualdade


Na IX Conferência IASSCS, pesquisadores e ativistas latino-americanos discutiram os compromisos e impasses da expansão democrática em relação ao reconhecimento dos direitos LGBT. Ressaltaram a estandartização das subjetividades, a delegação da luta política a determinados agentes e cenários restritos. (Texto em espanhol)
   
Brasil  
Publicada em: 19/09/2013

Os limites da autoridade médica


A medicalização como crítica ao poder médico foi o pano de fundo do primeiro ciclo de debates “Medicalização, Ideologia e Ciência: Quo Vadis?”, evento promovido pelo Laboratório de Pesquisas sobre Práticas de Integralidade em Saúde (Lappis/IMS). A mesa reuniu os professores Kenneth Camargo, Roseni Pinheiro e Sérgio Carrara, e o deputado federal Jean Wyllys.
   
América Latina  
Publicada em: 19/09/2013

Por trás da cortina de fumaça


“O respeito pelos direitos à diversidade sexual goza de amplo consenso em um mundo que se vê como civilizado, moderno e humanitário. No entanto, até que ponto alguns Estados, empresas e corporações agitam essas bandeiras para encobrir uma política de exclusão e violação destes e outros direitos humanos?”, questiona a socióloga Jane Bennett (Universidade da Cidade do Cabo), no jornal Página 12.
   
América Latina  
Publicada em: 19/09/2013

Patologização e normatividade


Sessão ocorrida durante a IX Conferência IASSCS debateu o modelo de medicina sexual que tem prevalecido atualmente. Para pesquisadores, a saúde sexual tem sido privilegiada pelo olhar biomédico que desconsidera uma visão mais integral da sexualidade e favorece representações heteronormativas. O papel da indústria farmacêutica nesse processo também foi discutido.
   
América Latina  
Publicada em: 05/09/2013

Os limites da ação


Mesa-redonda comemorativa dos 10 anos do CLAM ocorrida após a IX Conferência IASSCS, em Buenos Aires, debateu as fronteiras investigativas e as articulações que podem ser feitas entre democracia e temas como prostituição, aborto e homossexualidade.
   
Página 21 de 110
Navegação por TAGS

IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil